Pensamentos

O meu Pai tem alzheimer (2 )

Alzheimer

Olá,

já tinha falado da doença do meu Pai, que tem Alzheimer e da dificuldade em eu aceitar. Mas, não tive outra opção, senão aceitar… Seguir em frente e dar lhe o apoio que precisa.

Tal como o meu Pai , muitas outras pessoas passam por isso, dai a ideia de ir partilhando esta fase da minha vida e se de alguma forma eu conseguir ajudar alguém (além do meu Pai), vai ser gratificante.

A cada dia que passa vou notando mais alterações nele, as palavras fogem e  dificultam a sua convivência. Quando não se lembra da palavra diz: “a coisa, aquela coisa… ” e vamos tentando descobrir o que ele quer dizer. Por vezes torna se um pouco agressivo , mas é de sentir aquela incapacidade de se comunicar como antes…

Até agora tento levar tudo para a brincadeira, foi a forma que encontrei para me facilitar a vida. Sim porque quando ele me diz “vou me embora não quero mais comer na tua casa, se não me levas vou a pé …(ele mora a 100km da minha casa, o que torna a situação um pouco cómica). Espero um pouco e vou chama lo para jantar e tudo passou…

Para a medicação que lhe foi prescrita pela Neurologista, arranjei uma caixinha para colocar os comprimidos. Criamos esse habito há já alguns anos, e ele próprio prepara os comprimidos para a semana toda(eu só confirmo, discretamente, para ele não se aperceber que não confio nele). Convém criar hábitos, rotinas ,logo no inicio da doença.

Todos lá em casa, respondemos a mesma pergunta varias vezes ao dia, como se fosse a primeira vez.

Nesta fase da doença, ainda não é muito complicado, mas eu sei que se vai agravando, e que vem ai uma longa batalha pela frente.

Se também esta a viver uma situação deste género, podemos sempre trocar ideias, dicas … e juntas vamos conseguir, cuidar deles, porque eles já cuidaram de nós.

Beijinhos, eu dou noticias do meu Pai <3

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *